);

O início ano do para o empregador foi uma loucura total, isso porque, houve dois reajustes no salário mínimo, mudança de salário família etc. Agora tem mais novidade, isso porque, o imposto de renda 2020 passou por algumas mudanças e é preciso ficar de olho.

Para você contribuinte/empregador doméstico não ficar perdido em meio ao mar de novidades do IRPF 2020, listamos tudo o que você precisa saber aqui. Boa leitura!

imposto de renda 2020

Quem declara imposto de renda 2020?

Se você é um contribuinte das antigas, já deve saber de cor e salteado as regras que levam alguém a declarar, mas se você é novo nisso, é bom saber quais os critérios determinados pela Receita para o contribuinte declarar:

  • recebeu mais de R$ 28.559,70 de renda tributável no ano (salário, aposentadoria ou aluguéis, por exemplo);
  • ganhou mais de R$ 40 mil isentos, não tributáveis ou tributados na fonte no ano (como indenização trabalhista ou rendimento de poupança);
  • teve ganho com a venda de bens (casa, por exemplo);
  • comprou ou vendeu ações na Bolsa;
  • recebeu mais de R$ 142.798,50 em atividade rural (agricultura, por exemplo) ou tem prejuízo rural a ser compensado no ano-calendário de 2018 ou nos próximos anos;
  •  era dono de bens de mais de R$ 300 mil;
  •  passou a morar no Brasil em qualquer mês de 2019 e ficou aqui até 31 de dezembro;
  •  vendeu um imóvel e comprou outro num prazo de 180 dias, usando a isenção de IR no momento da venda.

Quais as novidades do imposto de renda 2020?

Confira a lista completa e não perca as atualizações da Receita para o IRPF 2020.

Data de entrega

Já marque no seu calendário, pois a data de entrega do imposto de renda 2020, será entre 2 de março a 30 de abril. No entanto, esse prazo foi revogado na noite de 1 de abril de 2020, pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes.

Por conta da pandemia mundial de coronavírus, o Ministro junto ao Presidente adiou em 60 dias a entrega da declaração de IRPF, agora o prazo oficial é 2 de março até 30 de junho.

Programa para declaração

Foi liberado no dia 20/02/20, o download do Programa para declaração, logo, os contribuintes já podem iniciar o rascunho do documento de IRPF.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

Lotes de restituição

Com essa atualização, os lotes de restituição não serão mais divididos em 7, mas sim, em 5 parcelas. A entrega dos lotes será feita a partir de 29 maio de 2020. Agora, o contribuinte tem motivos de sobra para entregar declaração o quanto antes.

Calculadora de Salário do Emprego Doméstico

Apesar da mudança da data de entrega, o cronograma dos lotes permanece o mesmo, ou seja, a partir de 29 de maio serão entregues os lotes de restituição, fique ligado.

CPF dos dependentes

Isso na verdade, não foi uma atualização de 2020, mas sim, do ano anterior, mas de qualquer maneira é importante reforçar, não é mesmo?

Qualquer pessoa que o contribuinte colocar como dependente no imposto de renda, seja pai, mãe, filho, etc. deve informar o CPF.

Dedução dos empregados domésticos

Sobre este assunto, aconteceram muitos debates e especulações se iria ou não acontecer a dedução dos empregados domésticos no imposto de renda 2020.

No entanto, de acordo com as regras da Receita, por falta de previsão legal, o valor de contribuição patronal paga à Previdência Social pelo empregador doméstico, não é mais dedutível.

A ficha, que até então constava no Programa da Receita, já foi excluída e não irá constar neste IRPF.

Organize os documentos, marque as datas no calendário e faça tudo direitinho para você dormir em paz, longe do Leão!

Curtiu o artigo e as novidades para o empregador doméstico? Assine a newsletter Hora do Lar e recebe novidades e todas as notícias em primeira mão!

[Modelo] Recibo de pagamento do empregado doméstico

2 comentários

Geraldo Vitali · 9 de março de 2020 às 19:38

gostaria de saber onde declaro foi roubado meu carro em 2019 como faço para declarar o seguro já pagou

Deixe uma resposta

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *