As famílias contratam um cuidador de idosos por muitos motivos, mas para exercer essa função, é preciso que elas conheçam as habilidades de um cuidador de idosos e contratem um bom profissional que garanta a segurança pessoal e física, o envelhecimento saudável e boa qualidade de vida ao idoso.

Há pouco tempo as pessoas contratavam indivíduos sem exigências específicas, bastava que a pessoa tivesse interesse em cuidar de idosos e fosse confiável para que conseguisse o emprego.

Contratar dessa forma é um grande erro. Por isso, é fundamental que seja analisada a capacitação técnica e profissional do cuidador, a necessidade da família quanto a carga horária do cuidador, bem como as suas qualidades pessoais e sua conduta perante os idosos.

Diante da importância do assunto, redigimos este artigo que explica a importância de contratar um bom cuidador, quais são as habilidades a serem buscadas nele e, no fim, como fazer o processo seletivo para escolhê-lo. Boa leitura!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

A importância de contratar um bom cuidador de idosos

A longevidade dos brasileiros está aumentando a cada ano. De acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), um quarto da população terá mais de 65 aos até 2050.

Diante disso, os trabalhadores do ramo estão cada vez mais sendo buscados para atender essa demanda ao se profissionalizar por estudos e treinamentos que desenvolvam as qualidades ideais para cuidar melhor dos idosos.

Por isso, desenvolvimento de certas habilidades é necessário devido à extensa lista de atribuições desse profissional, como:

  • ajudar a executar sua higiene pessoal, incluindo banhos, troca de fraldas, escovar os dentes etc.;
  • fazer companhia à pessoa, proporcionar atividades que o entretenham, trazer bem-estar, alegria, tomar sol, conversar e mais;
  • ministrar medicações de acordo com a dosagem e horários definidos pelos médicos do idoso;
  • auxiliar o idoso com as atividades domésticas, como na hora de preparar e servir as refeições;
  • ter atenção ao ambiente em que o idoso está para prevenir acidentes, além de mantê-lo limpo e organizado;
  • garantir o bem-estar da pessoa de modo geral.

Habilidades de um cuidador de idosos - cuidadora jogando palavras cruzadas com idosa

As principais habilidades de um cuidador de idosos

Abaixo, você confere quais são as habilidades mais buscadas em um profissional da área.

Tolerância e paciência

Um dos aspectos mais importantes é a tolerância com o idoso, pois ele poderá criar situações bastante delicadas que requerem um comportamento bastante paciente do cuidador.

Muitas vezes os idosos podem ser teimosos, indelicados, esquecidos, desastrados, como também ter capacidades autossuficientes reduzidas, o que leva a constante frustração de quem cuida da pessoa.

Isso é completamente normal, pois, com o passar dos anos, é natural que o ser humano passe por modificações impactantes no seu físico, emocional ou capacidades cognitivas.

Assim, constantemente o idoso pode recusar a cooperar em certas atividades, ter mudanças bruscas de humor, entre outras ocorrências.

O profissional deve adotar uma conduta muito paciente para solucionar qualquer problema e conduzir os eventos que possam ocorrer. Então, seu objetivo será identificar as limitações do idoso, desenvolver métodos de como lidar com seus problemas e garantir o bem-estar da pessoa independente do problema.

Otimismo

O otimismo é uma característica importante que passa despercebida por muitas famílias. Essa qualidade consiste na capacidade de sempre:

  • manter um bom humor;
  • criar um ambiente agradável;
  • não levar frustrações para o lado pessoal;
  • separar problemas pessoais do local de trabalho;
  • saber acalmar o idoso e outras pessoas presentes.

Para isso, a pessoa deve apresentar uma boa dose de encorajamento, serenidade e tranquilidade. Graças a esse aspecto, a qualidade de vida do idoso será elevada, pois serão evitados ao máximo momentos de isolação, tristeza e desapontamentos.

Saber observar e escutar

Ser uma pessoa observadora é uma qualidade essencial do cuidador, pois nem sempre o idoso manifestará uma necessidade ou limitação. O contratado deve observar seu comportamento e deduzir seus problemas.

A observação também inclui a atenção ao ambiente, pois é preciso retirar antecipadamente objetos que possam causar acidentes e sempre observar locais perigosos como escadas. Saber escutar é importante para entender quais são as vontades e problemas da pessoa, bem como fazer companhia em momentos que ela sinta sozinha.

Qualidades físicas, intelectuais e emocionais

É fundamental que o profissional tenha saúde física, como força e energia. Dependendo das limitações do idoso, o trabalho de um cuidador será cansativo e exigirá que ele forneça constante suporte físico.

As capacidades intelectuais são necessárias em momentos de complexidade, como manejo de remédios complexos, leitura e interpretação de bulas e recomendações médicas, bem como avaliar e tomar decisões rápidas em situações de emergência.

O equilíbrio emocional é necessário para facilitar o relacionamento humano, compreender seus momentos difíceis e, principalmente, não se deixar levar por momentos de raiva ou que problemas pessoais interfiram no trabalho.

Além disso, o aspecto emocional inclui também a empatia pelo idoso, ou seja, buscar se colocar no lugar da pessoa e entender seu sofrimento.

Ter valores éticos e morais

A relação de confiança deve existir entre o cuidador, o idoso e a família. Assim o cuidador conseguirá prestar seu trabalho com excelência, bem como o idoso se sentirá confortável para receber a ajuda.

Pode ser bastante difícil identificar os valores éticos e morais de um candidato a cuidador, mas a análise de seus trabalhos passados, uma entrevista adequada e uma observação atenta do seu comportamento evidencia sua idoneidade.

Capacitação profissional

Não basta a boa vontade para suprir as necessidades do idoso, existem conhecimentos técnicos específicos que facilitam o trabalho do cuidador.

No momento do banho do idoso, por exemplo, é preciso fechar portas e janelas para evitar correntes de ar frio, verificar a temperatura da água, escolher o horário certo, optar por um sabonete neutro, entre diversos outras especificidades.

Títulos de ensino superior não são necessários para prestar um excelente serviço, mas é recomendável exigir um curso de qualificação específico de caráter livre. Lembre-se que o importante é que o profissional tenha conhecimento e não apenas o certificado de conclusão.

Por isso é recomendável testá-lo ou optar pelos mais experientes.

O curso de enfermagem é mais adequado para atender às necessidades do idoso, principalmente se ele for portador de sequelas e moléstias, pois esse tipo de profissional detém conhecimentos como:

  • aferição da pressão arterial;
  • verificação da temperatura do paciente;
  • saber dar o banho adequado;
  • aplicar remédios;
  • procedimentos de primeiros socorros.

O processo de seleção para cuidador de idosos

Várias dessas qualidades são difíceis de serem identificadas sem um processo seletivo específico. O primeiro passo para contratar bons profissionais é separar uma lista de candidatos confiáveis ou com formação profissional.

Após, avalie os seguintes aspectos de cada um deles, por exemplo:

  • peça referências de experiências passadas, ligue para os contratantes passados e solicite opiniões sobre suas qualidades éticas e morais;
  • confira o currículo do candidato para avaliar sua capacitação profissional;
  • entreviste-o para entender suas ambições e motivações;
  • tenha conversas casuais para verificar seu otimismo e personalidade;
  • faça um contrato de experiência para avaliar seus métodos de cuidado e responsabilidade.

A quantidade exigida de habilidades de um cuidador de idosos é bastante extensa. E não é fácil encontrar um profissional dotado de todas elas. Mas ao achar o profissional ideal, você conseguirá garantir muito mais qualidade de vida à pessoa a ser cuidada.

É fundamental controlar a rotina de trabalho do cuidador para averiguar sua competência e evitar problemas futuros.

[Check-list] Documentos para Contratação do Empregado DomésticoPowered by Rock Convert
Análise da declaração de IRPF 2019Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *